Presidente

Rogério de Sousa Fiacadori, nascido na capital de São Paulo, é formado em Educação Física, possui grande experiência no handebol. Com 15 anos de idade, iniciou sua trajetória esportiva no handebol, atuando no Esporte Clube Bragança, clube de alemães da zona norte da cidade de São Paulo. Foi no Bragança que começou a se apaixonar pelo handebol, teve como ídolo e mentor Marcos Bordin um dos maiores craques de handebol do Brasil, seu primeiro técnico Divo Cirino que deu o aval para ser militante no Bragança e para onde foi levado pelo grande amigo e irmão Jorge Bacus Jr. Foram 8 anos jogando handebol pelo Bragança e em 1986 foi convidado a jogar no Esporte Clube Pinheiros por Arcílio Tavares técnico do Clube, no E.C. Pinheiros foram mais de 10 anos jogando handebol e fazendo amizades com grandes pessoas que se tornaram mais que amigos Carlos Alberto de Simone, Marcelo M. Ferraz de Sampaio(Xexa), Eduardo Antônio Amorosino (Duda) e Renato Mori.

Em 1997 deixou as quadras como jogador e já em 1998 passou a atuar como árbitro de handebol na Federação Paulista de Handebol, mas depois de 4 anos atuando foi convidado a ser o diretor de árbitros da Federação onde ficou por um ano, quando deixou de ser diretor foi convidado então pelo Presidente da federação Sr. Fábio Lazzari para representar a federação nos jogos do campeonato paulista como delegado onde logo no seu primeiro ano foi eleito pelos técnicos como e melhor delegado daquele ano, primeiro passo dado teve inicio o objetivo de ser delegadoda Confederção Brasileira de Handebol onde com a indicação de Aldene Valgas foi trabalhar na Liga Nacional e em seguida sendo chamado para ser Coordenador de Campeonatos Brasileiros representando a C.B.Hb. por várias vezes no estado de São Paulo.